11 2721-3977

linkedin vertexindustria

facebook linkedin

NOTÍCIAS

Empresas de usinagem: caminhões a biometano

26/11/2019

Empresas de usinagem preveem crescimento motivado pela Scania. Isso porque a companhia vai começar a produzir caminhões movidos a biometano no país.

A novidade, que será muito benéfica para as empresas de usinagem, está prevista para o início de 2020. A produção na fábrica de São Bernardo do Campo, em São Paulo, é resultado de um investimento de R$ 21 milhões e faz parte do planejamento estratégico de 2017 a 2020. O biometano é um biocombustível gasoso obtido a partir do processamento do biogás. Esse cenário aumentará a procura por peças usinadas e conjuntos usinados no setor de usinagem de precisão.

O biometano será produzido pela ZEG, empresa dedicada à geração de energia renovável e com a qual a Scania firmou parceria. Embora não tenha divulgado quantas unidades serão produzidas, a Scania já adiantou que a ideia é aumentar o volume de acordo com demanda. Tudo isso trará vantagens competitivas para a usinagem de peças, impactando diretamente a demanda por serviços de usinagem.

A ZEG, por sua vez, já está estabelecendo contatos com três grupos frotistas para que utilizem o caminhão movido a biometano. O veículo será mais caro que os modelos tradicionais, mais terá um custo de manutenção 10% menor.  “Assim, quem comprar o caminhão movido a biometano levará dois anos para compensar o preço mais alto de compra. Depois desse período, é só ganho”, diz Christopher Podgorski, presidente da Scania no Brasil. A expectativa é grande para as empresas de usinagem.

Os compradores dos caminhões terão a opção de utilizar postos de abastecimento instalados pela ZEG. Ainda segundo Podgorski, a produção desses caminhões no Brasil segue um movimento iniciado pela montadora na Europa há dois anos e que também estimulou o ramo de usinagem de precisão e os pedidos por peças usinadas e conjuntos usinados.

Somente em 2018, foram vendidos 4.540 veículos comerciais movidos a combustíveis alternativos, o equivalente a 4,5% de todas as vendas da marca no mundo. Além de fomentar o setor de usinagem de peças e o crescimento das empresas de usinagem, a intenção da Scania é reduzir a emissão dos gases poluentes na atmosfera. Vale lembrar que, atualmente, quase todos os caminhões vendidos no Brasil são movidos a diesel.

Diante deste cenário de forte crescimento e produção de novos caminhões, a Vertex Usinagem já se prepara para atender com eficiência os pedidos por peças usinadas e conjuntos usinados. Graças aos seus centros de usinagem e Tornos CNC de altíssima precisão, a empresa oferece o melhor custo-benefício em serviços de usinagem para clientes industriais de diversos segmentos.

Clique aqui e curta nossa página no Facebook e veja novidades em usinagem de precisão!

Para mais notícias sobre serviços de usinagemclique aqui.

Fonte: Usinagem Brasil