11 2721-3977

linkedin vertexindustria

facebook linkedin

NOTÍCIAS

Usinagem de precisão: Scania prevê alta de 20% no mercado de caminhões

17/05/2019

Usinagem de precisão segue otimista com a retomada da economia brasileira.

Um grande exemplo é a Scania, que previu para 2019 um crescimento em todos os seus mercados de atuação: caminhões, ônibus, serviços e motores industriais, marítimos e geração de energia. E não é novidade que o setor de usinagem de precisão será um dos mais beneficiados por este avanços, pois produz peças usinadas e conjuntos usinados para toda a indústria.

 “A continuidade do aquecimento da economia nacional e o trabalho estratégico e de real parceria com os clientes são os principais motivadores para a projeção”, informou a empresa, acrescentando que a sua mais recente novidade, a Nova Geração de caminhões, já vendeu mais de 3.000 unidades em apenas quatro meses.

“O momento da Scania no Brasil é excelente. Com a Nova Geração, temos uma nova fábrica. Vivemos uma Nova Scania a partir de 2019”, afirma Roberto Barral, Vice-Presidente das Operações Comerciais da Scania no Brasil. Estas projeções tem gerado otimismo para toda a indústria, principalmente o setor de usinagem de precisão.

Segundo Munhoz, a meta da Scania é de acompanhar a alta do mercado. A empresa, no entanto, tem um desafio pela frente para introduzir a nova geração de caminhões. Para a produção, ainda em fase inicial, a unidade de São Bernardo do Campo (SP) foi inteiramente reformulada e passa agora por um período natural de adaptação para elevar o ritmo de produção. “Espelho das instalações na Suécia, a fábrica nasce junto com a nova geração, projeto que levou quatro anos e demandou € 75 milhões, especialmente para receber os novos produtos”, conta Ricardo Cruz, Gerente Executivo da fábrica de soldas da companhia.

Desde que a Scania começou aceitar encomendas da nova geração, a partir do lançamento comercial dos veículos, em outubro no ano passado, a empresa já contabiliza 3 mil pedidos, 35% das vendas da fabricante em 2018. O volume, segundo Roberto Barral, já é suficiente para ocupar as linhas de montagem até abril ou maio. “Nossas vendas também devem crescer entre 10% a 20%. Devemos fazer por volta 10 mil unidades e, agora, com mais flexibilidade na fábrica e novas especificações de produtos.”

Barral adianta que as expectativas para 2019 é de registrar um desempenho como o do ano passado: “com todos os objetivos alcançados e acima do esperado”. Em 2018, a Scania contabilizou 8.643 caminhões vendidos, volume que proporcionou uma alta de 50% na comparação com 2017. A maior parte, 8.028 unidades, foi de pesados, um crescimento de 64% e participação de 23% na categoria, a terceira que mais vendeu no segmento depois de Mercedes-Benz e Volvo.

De olho nisso, a Vertex Usinagem tem investindo em tecnologia de ponta por meio de seus centros de usinagem e tornos CNC para produzir peças usinadas e/ou conjuntos usinados com excelente custo-benefício e qualidade. Para saber mais sobre nossa usinagem de precisão, entre em contato conosco.

Clique aqui e curta nossa página no Facebook para ter acesso a muito mais novidades sobre o setor industrial e de usinagem de precisão!

Para mais notícias, clique